Notícia

Top Five

segunda, 24 de setembro de 2018
Pequenas indústrias paranaenses ´desfilam` no ID Fashion 2018

A quarta edição do ID Fashion, evento de moda que destaca novos nomes paranaenses e marcas já consolidadas, acontece nos dias 25 e 26 de setembro, na Fiep, em Curitiba. Nos dois dias do evento, haverá programação especial com desfiles, exposição interativa, comercialização e bate-papos sobre moda e mercado.

Com correalização do Sebrae/PR, o evento é uma parceria que a entidade mantém há quatro anos com a Fiep para promover o setor de moda paranaense. “O maior objetivo é que essas indústrias passem de produtoras de roupa para produtoras de moda, o que é bem diferente. O ID Fashion tem uma curadoria que escolhe em todo o Paraná quem vai participar do evento. E o contato das indústrias com esse grupo curador é uma oportunidade que dificilmente elas teriam de outra forma”, pondera Cesar Rissete, gerente de Ambiente e Negócios Empresariais do Sebrae/PR.

Para participar do evento, as marcas passaram por uma curadoria de especialistas. Ainda, houve uma seleção para escolher cinco marcas, entre aquelas ligadas aos programas do Sebrae – para desfilarem no “Top Five”, no dia 26, às 17 horas. Os nomes All Hunter (Maringá), Carla Bergamask (Cianorte), Carlina Brugnera Ateliê (Francisco Beltrão), Milho Guerreiro (Curitiba) e FZO (Apucarana) levarão às passarelas minicoleções produzidas especialmente para o ID Fashion. 

A All Hunter, de Maringá, levará às passarelas do ID Fashion moda casual masculina, uma das especialidades da marca. Pela primeira vez em um desfile, o gerente da grife, Paulo Henrique Ponciona, conta que a parceria com o Sebrae começou desde a abertura do negócio, em 2015. “As consultorias e programas tiveram papel decisivo para a All Hunter se estabelecer no mercado. Tínhamos um problema com atrasos na produção e, consequentemente, na entrega aos lojistas. O Sebrae organizou esses processos e hoje estamos trabalhando para receber o Selo Fashion Business, no final do ano”, conta.

O Selo, de acordo com a consultora do Sebrae/PR, Adriana Kalinowski, foi criado para reconhecer as indústrias que mais se destacaram no programa e, dessa forma, melhoraram sua gestão e competitividade. “O Sebrae desenvolve projetos para agregar valor ao produto paranaense, como o de Potencialização da Indústria da Moda do Paraná. Por meio dele, pequenas indústrias recebem consultorias em todos os estágios – do processo produtivo ao desenvolvimento da marca. Atualmente, existem 130 pequenas indústrias no Paraná atendidas com o Programa. A coroação disso será a distribuição do Selo Fashion Business, em novembro deste ano”, explica.

Outra grife paranaense que está trabalhando em busca da conquista do Selo Fashion Business é a Carlina Brugnera Ateliê, de Francisco Beltrão. As criações da estilista, que deu nome à marca, também estarão nos desfiles do ID Fashion. Segundo Carlina, serão apresentados sete looks femininos que seguem o conceito de oferecer peças exclusivas e sob medida.

A estilista conta que iniciou como microempreendedora individual, mas, graças à expansão, hoje a empresa está enquadrada no Simples Nacional. “As capacitações com o Sebrae trouxeram um conhecimento de gestão e marketing que faltava, como o uso das redes sociais para divulgação, por exemplo. Hoje, nossos maiores canais de venda são as redes sociais”, revela.

O mundo muda a moda
Nesta edição, com o tema mundo híbrido, o ID Fashion propõe novos olhares sobre a sociedade e os hábitos de consumo contemporâneos e inova com a criação de espaços para experimentações. O objetivo é criar empatia com o público em geral e reforçar a personalidade das marcas.

Nos dois dias do evento, haverá programação especial com desfiles de marcas já conhecidas e de novos talentos, exposição interativa, comercialização de peças das marcas participantes e bate-papos sobre moda e mercado. Em comum, as marcas têm a identidade própria e potencial para firmarem-se ou reforçarem seu posicionamento no mercado de moda. Elas mostram ainda a força do setor têxtil e de confecções do Paraná, um dos mais importantes da indústria do estado, empregando cerca de 70 mil trabalhadores.

O ID Fashion é realizado pela Fiep, por meio do Conselho Setorial da Indústria do Vestuário e Têxtil, em correalização com o Sebrae/PR. Mais informações podem ser encontradas no site www.idfashionpr.com.br.

Fonte: Assessoria de Imprensa Sebrae